Realizando um sonho, fortalecendo a vida

Com grande alegria apresentamos a primeira Jornada de Sustentabilidade de 2022! Acreditamos que iremos experimentar muito desenvolvimento nesse ano, não somente como instituição, mas também para com os nossos colaboradores, parceiros, e claro, empreendedores – nosso ponto focal de trabalho.

MÁRCIA E O PROJETO “RECICLANDO OPORTUNIDADES”

Sendo assim, o destaque neste mês de janeiro é a história da Márcia e sua família. E avisamos que eles vão inspirar você. Mas espera um pouco, vamos adentrar nesse ponto mais à frente.

O relacionamento começa a partir do projeto “Reciclando Oportunidades”, desenvolvido pela Fundação Tide Setubal (foco em justiça social e desenvolvimento sustentável de periferias urbanas) e a franquia Coletando (especializada na reciclagem de materiais).

O objetivo do projeto, que envolve a Aventura de Construir, é fornecer capacitação ao longo da jornada empreendedora da Márcia, proporcionando a oportunidade de crescimento nos aspectos pessoal e profissional, catalisando o impacto em sua formação como “eu protagonista”. A partir disso, gerando desdobramentos em sua própria família e entorno, através da multiplicação dessa transformação interna – este que por sinal, é um dos pontos de métodos da AdC (atuação com visão G-local).

A AdC tem como responsabilidade o acompanhamento da Márcia no processo pré empreendimento até o seu desenvolvimento e aceleração. Este trabalho tem sido realizado através de assessorias semanais (presencial e online), traçando um fio condutor desde a formação humano integral até o fortalecimento de temas técnicos voltados para o novo negócio: a franquia de reciclagem, localizada na sua comunidade (extremo da Zona Leste de SP – Jd. Lapenna).

ACOMPANHAMENTO DE PERTO

A Márcia tem como características principais a alegria e força, capaz de cativar qualquer um logo no primeiro momento. Um exemplo disso foi na primeira assessoria realizada, onde conhecemos toda a sua família, pelo menos 15 pessoas, e também a casa. Em suas palavras, ela disse: “agora que entraram na minha casa, também entraram no meu coração, vocês fazem parte da minha família”. Fomos constrangidos com tamanho amor e abertura.

Ela atua com o seu esposo Anderson na área de reciclagem informal há mais de 8 anos, coletando materiais recicláveis e os revendendo no ferro velho. Dependendo do momento que a família vivencia, os filhos eventualmente os ajudam.

Ao longo dos 7 meses de trabalho, um dos maiores desafios foi o atraso da inauguração do novo negócio (franquia) por motivos que fugiam do seu controle. Atrelado a isso, haviam diversas questões que estavam sendo enfrentadas em sua saúde física, emoções e família que acentuavam a situação.

Diante deste cenário, as assessorias eram, mais uma vez, a partir da realidade que estava proposta. O trabalho foi focado no desenvolvimento humano integral com maior força no início e com a criação de um espaço seguro. Com um relacionamento de confiança estabelecido,  pontos como gerenciamento das emoções (identificar e como lidar) e atitudes protagonistas (focar na solução ao invés do problema, saber dizer não, pedir ajuda quando necessário, etc) tiveram destaques fundamentais de fortalecimento nessa jornada.

Os temas de característica técnica foram sendo introduzidos de acordo com a necessidade e abertura, sendo planejamento o de maior ênfase, seguido de orçamento doméstico e classificação de despesas. Eles são essenciais nessa construção, tendo aplicação prática no dia a dia da casa, estabelecendo conexão para o empreendimento.

Embora o caminho percorrido se mostrou árduo muitas vezes, seja na intensa busca de terrenos para locação, no turbilhão de emoções negativas a lidar e processar, ou até mesmo em abrir mão de responsabilidades que não faziam mais sentido no momento, a Márcia foi conquistando cada vez mais resiliência e perseverança, acreditando que é possível.

Foto da família da Márcia na assessoria presencial no Galpão ZL (espaço da Tide Setubal).
Família da Márcia na assessoria presencial no Galpão ZL (espaço da Tide Setubal). Da esquerda para direita: Márcia, Anderson (esposo), Thiago (Galpão ZL), William (AdC), Paloma( Galpão ZL) e Cleidiane (nora da Márcia).

O PROCESSO DO APRENDIZADO

Com certeza, a inauguração do empreendimento foi uma imensa conquista, acontecendo neste mês de janeiro de 2022. Afinal, foram ao todo pouco mais de 6 meses de espera até a sua abertura de fato.

Foto de Márcia e parceiros em frente ao empreendimento no dia da inauguração.
Inauguração do empreendimento em 28/01/2022. Da esquerda para a direita: William (AdC), Márcia, Marcos (Coletando), Anderson e Kátia (Coletando).

Contudo, essa conquista tem um gosto ainda melhor em vista dos crescimentos no decorrer do trabalho pré inauguração. Nele, foi constatado a maior maturidade e autonomia da Márcia com relação as suas emoções e necessidades, uma maior busca por conhecimento e esclarecimento de assuntos que tinha medo, e até mesmo o protagonismo de fazer um discurso, de última hora, em público para uma reunião de bairro e engajar pessoas da comunidade em seu negócio, visando o desenvolvimento sustentável ambiental e econômico do entorno e famílias, através de renda, parcerias e conscientização.

Com as ferramentas aprendidas, Márcia, juntamente de uma de suas filhas e enteada, estruturaram a primeira viagem em família. Planejaram a viagem desde destino até divisão de tarefas e formas de levantar o recurso. Em um mês e três dias, arrecadaram mais do que o dobro de renda que tinham com relação ao mês passado. Nessa ação em conjunto, puderam realizar a viagem em família, passando o final de semana na praia com pelo menos 19 familiares (bebês e crianças inclusos). A maior lição aprendida por ela foi “eu vi que posso acreditar, que posso realizar os meus sonhos”.

Captura de tela da assessoria online com a Márcia
Assessoria online com a Márcia.

Nesses meses, foi constatado um crescimento perceptível na Márcia que ocorre de dentro para fora, estando mais consciente e sólida em sua identidade como mulher, protagonista, líder, empreendedora, mãe, esposa, filha e amiga, em suas diferentes relações com stakeholders, familiares e comunidade. Os resultados ajudam a externar quem está se tornando por dentro.

Na primeira assessoria deste ano, a força gerada a partir das intervenções realizadas pelo Galpão ZL e AdC ressaltam os aprendizados e conquistas, tornando claro o que por vezes passa no “automático” do dia a dia. Tanto a Márcia como a equipe do Galpão, testificam como a mudança é nítida, não podendo “reconhecer” que é a mesma pessoa. Há uma Márcia antes e pós Galpão ZL (últimos 4 anos) e outra Márcia antes e pós acompanhamento AdC (últimos 7 meses). Dois recortes que não apenas conversam entre si, mas que ajudam e fortalecem essa construção mútua onde o maior interesse é o crescimento da Márcia.

Isso é demonstrado, ainda de forma mais profunda, quando a própria Márcia menciona que durante os encontros, começou a enxergar o quanto não fazia sentido ser alguém diferente em casa do que é no empreendimento, gerando um desconforto de mudança, onde viu dinâmicas e interações que não estavam mais coerentes com quem passava a perceber que realmente é. Através disso, com gratidão no coração, compartilhou como essa trajetória ajudou “a salvar o seu casamento”.

A jornada continua, com o empreendimento aberto, os novos desafios batem à porta constantemente, assim como a transformação e crescimento seguem firmes. Com alegria e força, a Márcia têm conseguido enfrentar cada empecilho, reconhecendo quando precisa de ajuda, trazendo novas ideias e buscando aprender ainda mais para o desenvolvimento da sua empresa. Na medida que novos passos são dados e conquista novos espaços, sua própria família passa a acreditar também no seu sonho, reconhecendo o que está tomando forma. Um de seus filhos, Gabriel, comentou com ela algo que traz mais sentido para o que tem se dedicado: “eu moro na favela, mas a favela não mora em mim”. Isso exemplifica que, assim como sua mãe, também pode sonhar, buscar melhor qualidade de vida e contribuir na sua comunidade. Fica o ensino e a reflexão de como o “eu Márcia” está sendo formado enquanto também multiplica.

Avante Márcia!

Foto de Márcia e família no novo empreendimento.
Márcia com parte dos integrantes de sua família no novo empreendimento.

Aventure-se Empreendedor!
Tem interesse em participar dos projetos GRATUITOS da Aventura de Construir? Deixe suas informações e avisaremos quando abrir as inscrições para o próximo!
Vinicius Dutra